Categorias

Dicas de Saúde Obesidade e Coronavírus: conheça quais são os riscos


Obesidade e Covid-19: condição clínica perigosa

 

Imagine uma infecção que se dá através de um vírus mortal, com alta possibilidade de contágio, sem cura e aliada a obesidade, que é uma das maiores causas de morte em todo o planeta. Por isso, a relação entre obesidade e Covid-19 é, de longe, uma das mais perigosas que existem. 

Segundo um recente estudo norte americano, pacientes obesos tendem a sofrer com um complicado processo inflamatório em todo o organismo, que é ocasionado pelo excesso de peso. Além disso, vários quilos a mais podem gerar outros problemas de saúde como pressão alta e diabetes. 

E essa condição clínica deixa o paciente ainda mais vulnerável a forma mais grave da Covid-19, o que pode levá-lo a morte em poucos dias. Pessoas que têm o Índice de Massa Corporal (IMC) maior do que 40 kg/m2 são consideradas obesas e podem apresentar complicações de saúde, caso contraiam o Coronavírus. 

 

Paciente obesos precisam de respiração mecânica

 

A relação entre obesidade e Covid-19 pode ser muito mais grave do que imaginamos. Segundo uma pesquisa feita na França, as chances de uma pessoa obesa que foi internada em decorrência do Coronavírus, necessitar de um respirador artificial, são enormes. 

Quanto maior o IMC do indivíduo, mais chances essa doença tem de provocar complicações em seu organismo. Por isso, se você é uma pessoa obesa, todo cuidado para não contrair o Coronavírus é pouco. As medidas de higiene e prevenção devem ser seguidas à risca por todas as pessoas, independente da sua condição clínica. 

 

Obesidade e Covid-19: estudo explica essa relação

 

Não é novidade para ninguém que os EUA é o país com o maior número de contaminados e mortos em decorrência do Coronavírus. Para piorar ainda mais, os Estados Unidos ainda concentra a maior quantidade de pessoas obesas, se comparado ao restante do mundo. 

Para explicar a relação entre obesidade e Covid-19, pesquisadores da cidade de Nova York, que é o epicentro dessa pandemia, fizeram um minucioso estudo com 4.100 pessoas em tratamento. Constatou-se que 44% apresentaram problemas cardíacos, 40% eram considerados obesos e 31% tinham diabetes tipo 2. 

O estudo ainda revelou que o IMC alto (acima de 30) foi a principal causa do elevado número de internações com ventilação mecânica, por causa do Coronavírus. Segundo os pesquisadores, o principal motivo é que os pacientes obesos tinham um maior número de inflamações no organismo, que ficou bem mais suscetível. 

 

Um problema de saúde ocasiona outro mais grave

 

A perigosa relação entre obesidade e Covid-19 também pode trazer outras consequências para os pacientes considerados obesos. Além das inflamações crônicas em todo o organismo, o risco de câncer também pode aumentar nesses indivíduos. 

É uma reação em cadeia: as inflamações causam lesões que, por sua vez, formam coágulos. Esse quadro clínico pode se complicar bastante e fazer o paciente obeso desenvolver uma embolia pulmonar ou trombose, por causa da formação dos coágulos. 

Essa condição, muitas vezes, pode ser fatal em pacientes obesos infectados pelo Coronavírus. A grande questão é se manter dentro do peso ideal, pois a obesidade é o que desencadeia todos os outros problemas de saúde. 

 

Obesidade dificulta internações em UTI

 

Está vendo como a relação entre obesidade e Covid-19 é mais complicada do que podemos imaginar? De acordo com as estatísticas, cerca de 5% das pessoas que contraíram o Coronavírus precisam de internação clínica em UTI. 

Quando o paciente é obeso, isso pode representar um imenso desafio, pois nem todos os serviços de saúde no Brasil são devidamente estruturados para esse tipo de situação. Ou seja, milhares de hospitais não têm leitos que sejam adequados para receber obesos em estado grave. 

Além de todas as dificuldades, o processo de intubação, que já é delicado, fica ainda mais complicado em pessoas com obesidade. Até a realização de alguns exames de imagem, muitas vezes, não são possíveis de serem realizados, pois existem um limite de peso que os equipamentos suportam. 

 

Isolamento social em pacientes obesos pode ter efeitos negativos

 

Os efeitos negativos da relação entre obesidade e Covid-19 não param por aí. A questão do isolamento social é outro problema que nem todas as pessoas sabem lidar de forma tranquila. Em pacientes obesos, ele pode trazer prejuízos ainda mais sérios para a saúde. 

Como os pacientes portadores de obesidade já enfrentam inúmeros obstáculos como o preconceito, o isolamento social ainda pode ocasionar depressão em indivíduos obesos. A saúde mental deles pode ficar seriamente afetada durante a pandemia do Coronavírus. 

Outro efeito maléfico à saúde dos obesos, durante o isolamento social, é o aumento do sedentarismo associado a uma má alimentação. Esses dois fatores podem ser uma bomba relógio que pode explodir a qualquer momento, se algo não for feito.  

Dê adeus ao sedentarismo e venha para o Rosa Spa 

 

Há mais de 22 anos, o Rosa Spa tem como objetivo promover bem estar e saúde, com excelência na prestação de serviços, por meio de uma equipe de profissionais capacitados e qualificados.  Para isso, contamos uma equipe profissional altamente qualificada em nutrição, gastronomia, estética, orientação física, recreação, terapias e  massagens.

Além disso, temos uma equipe multidisciplinar de Educadores Físicos altamente capacitados em fisiologia do esforço, aparelhagem para atividades físicas modernas e programas exclusivos de emagrecimento. Pois, sabemos da importância  da prática de atividades físicas e esportivas como uma parte essencial para quem quer perder peso, para melhorar sua saúde, mobilidade e autoestima. 

Ao disponibilizar um acompanhamento com profissionais das mais diversas áreas da saúde, em um ambiente planejado para a promoção de bem-estar ajudamos você a perder peso. Nossos 14mil m² contam com chalés, restaurante, academia, quadras poliesportivas, sauna, sala de jogos, espaço zen, sala de TV e consultórios médicos que estarão à disposição 24h durante a sua estadia. 

Possuímos também piscinas, que proporcionarão aos hóspedes um programa de emagrecimento eficiente. O Rosa Spa ainda tem uma diversidade de tratamentos , tanto na área de relaxamento como na área de programas de emagrecimento, sempre em busca de promover o melhor resultado no menor tempo possível, zelando sempre pela segurança de nossos hóspedes.

Venha conhecer o maior spa do Centro-Oeste. Aqui no Rosa Spa, nosso foco são programas de imersão voltados para o emagrecimento, nos quais buscamos com o auxílio médico, refeições exclusivas e balanceadas, aliadas à prática de exercícios físicos, melhorar sua qualidade de vida e auto-estima. Entre em contato conosco e mude de vida.



Buscar no blog

Compartilhar

FAÇA SEU ORÇAMENTO PERSONALIZADO

O Rosa Spa é o maior spa do Centro-Oeste e estamos de portas abertas para te receber!  Preencha seus dados ao lado e um de nossos consultores entrará em contato para tirar suas dúvidas e criar um programa personalizado para você.
 

Ligue para nós:
+55 (62) 3237-9900
+55 (62) 99628-2722